Hack Town: O SXSW Brasileiro

Hack Town: O SXSW Brasileiro
Hack Town 2018

Por décadas e décadas o mundo foi separado/classificado em apenas duas categoria. De um lado o branco do outro o negro; ou a mente ou o corpo; o que era tecnologia jamais seria religião; se for ciência não pode ser arte…

“Combinações binárias simples é uma invenção de uma sociedade que não enxerga a complexidade”.

Proferida por Ana Cortat na abertura oficial do Hack Town 2017, a frase foi quase um brado confirmando que eventos como esse serve para quebrar conceitos simplórios de uma sociedade que baseia suas ações ainda pautada no medo, e causar disrupções a fim de que possamos enxergar e nos apropriar da beleza e oportunidades oferecidas por um mundo Complexo.

Foi na pequena cidade ao Sul de Minas Gerais, Santa Rita do Sapucaí que aconteceu a terceira edição do Hack Town.  Referência na América Latina como um dos maiores polos tecnológicos. A escolha da cidade não foi baseada apenas no que ela representa hoje, mas pela raiz de sua história e de seu povo. A cidade conhecida como Vale do Silício Brasileiro, chegou onde chegou graças ao sonho de uma mulher cuja mente não conhecia limites, e não intimidou-se diante de uma sociedade onde grandes decisões eram limitadas ao sexo masculino.

Luzia Rennó Moreira, mais conhecida como Sinhá Moreira. Graças a sua herança e valores humanos, utilizou o que tinha de melhor, sua influência e o pulsar de um sonho para trazer ao Brasil especificamente nesta cidade o ensino em eletrônica, motivada após um encontro com o cientista Albert Einstein.

Sinhá Moreira fundou então, a ETE a primeira escola de eletrônica da América Latina.
O Voicers fez uma Tech Talk com Ralph Peticov (CEO do Hack Town) e Camila Andrade (uma das Curadoras do Hack Town) no exato lugar onde tudo aconteceu. 

 

Hack Town! Dá Pra Resumir o que Significa?

Resumidamente a descrição do Hack Town seria um evento de inovação, criatividade e tecnologia. Mas é só o resumo mesmo. O Hack Town é na verdade um evento sobre Tecnologia, Inovação, Criatividade, Educação, Conexão, Energia, Música, Paixão, Propósito, Futuro e todos os temas necessários para nossa sociedade tão complexa e completa de hoje. Baseado no South by Southwest (SXSW) que acontece em Austin, no Texas! O evento dividiu nos quatro dias de programação mais de 250 palestras com a participação de três mil pessoas. Você pode até pensar:

“Mais uma ideia copiada dos gringos”. Mas isso só acontecerá por um único motivo: Você ainda não participou!

A diferença entre o SXSW e o Hack Town é que aqui em Santa Rita os eventos não acontecem em grandes centros de convenções como em Austin. Aqui toda cidade é Hackeada! Teve palestra na faculdade, debate no Bar do Beto, Party Wake próximo ao lago, Orquestra de Games no teatro… A cidade inteira é imersa no mundo do amanhã.

“O Hack Town existe para conectar mundos e possibilitar ideias novas. A inovação nasce das conexões, daquilo que não é óbvio”. (Co-founder Carlos Henrique Vilela).

Os organizadores conseguiram transformar o que já era um grande evento em Austin, em uma experiência inesquecível e motivadora. É um olhar diferente, de uma forma que só brasileiro sabe fazer!
Quem participa do Hack Town realmente vive uma realidade paralela, você vivencia um mundo onde o futuro já chegou! Concordamos então com o que disse a Ligia:

“Se alguém me perguntar o que é o Hack Town, vou responder que é o encontro anual sobre tendências com pessoas que estão construindo algo especial: um futuro ideal!!

Confira nossa Play list como todas as Tech Talk que aconteceu nesse super evento:

Comentários Via Facebook
compartilhe

Solange Luz

Ela é a construção de todos que conheceu e de tudo que viveu, especialista em sonhar acordada e falar consigo mesma. No Voicers é a CCC (Content, Creator & Curator), carinhosamente conhecida como Queen of Words.
Fechar Menu