Meus Desejos para esse Novo Ano…

Meus Desejos para esse Novo Ano…

É real que boa parte de nós, entra no ano preocupados em ser o que queremos ser e viver tudo o que está na “lista”, então hoje, as vésperas do 1º dia do ano, exatamente aquele que liga o fim ao começo, use-o como um momento importante para verificar o que de fato deve permanecer.

A vida tem caminhos estranhos e esse simples gesto voluntário de desejar um ano melhor, uma versão nossa melhor, pode desencadear todo um processo involuntário. E são os momentos ideais para desistirmos das procuras inúteis, então:

  • Renove sua essência, busque a magia das coisas e nas pessoas, se comprometa com as grandezas e as miudezas delas.

  • Busque lidar com as diferenças em sua plenitude, porque só assim você consegue receber muitas chances e dar outras tantas.

  • Busque não ser alienada(o), com nenhuma vocação para discursos sem opinião própria, pois só assim você encontrará aprendizado, aqueles onde a arte do troca é saborosa, e que você convença muitas vezes, e que seja também muitas vezes convencido(a).

  • Tenha a capacidade de manter aquela alegria que diferencia, que você consiga sorrir com os olhos e que acredite nas coisas sinceramente compartilhadas, pois essas farão do seu ano mais sagrado.

  • Acredite em gente que fala tocando no outro de alguma forma, mais busque também profundidade e frequência, aliás acredite em tudo aquilo que for construído através delas, segundo suas crenças.

  • Respeite os que se opuserem à visão em sua retina, mas se estiver certo de onde vai chegar, não os mantenha próximos por muito tempo, eles são só mensageiros do que não se alinha a você.

  • Conecte-se apenas os que te interessarem na essência, aqueles que possam se misturar a você. São esses que por muitas vezes não te levam a lugares tão seguros e óbvios, mas te fazem dar saltos na sua existência.

  • Leia poesias, viva arte, medite e pratique dialéticas, acredite em suspiros, em abraços cheios de saudades, acredite em alegrias explosivas, em olhares faiscantes, em sorrisos cúmplices de pessoas decididas, esses são sinais do que trará mais vida, pra vida sua vida.

  • Tenha medo de altura, mas não evite seus abismos, são eles que te darão a dimensão de quem é, não aceite meios-termos, mais ou menos ou qualquer coisa. Entre nesse ano com corpo, alma, vísceras e falta de ar!

  • E deseje do ano o que ele tiver de real e belo, não aceite mais da vida fantasias dissonantes, busque congruência de valores e semelhantes escolhas, mesmo que sejam em diferentes formas de pensar e de agir

“Porque há aqueles que sonham grande & há aqueles que vão lá e realizam!. E assim durante esse novo tempo para nós, faça todas as coisas novas, todas as sonhadas, imaginadas, desejadas e que elas venham tanto quanto possível, através de fluídos: EU QUERO & EU TAMBÉM!!!”

Feliz Ciclo Novo!

741 visualizações, 3 

Comentários Via Facebook
compartilhe

Ligia Zotini Mazurkiewicz

Tem o dom de fazer pontes entre teoria e prática, apaixonada desde muito cedo por tecnologia e como ela irá levar a sociedade para um patamar mais humano, para isso ela hackeia burocracia de sistemas antigos onde quer que esteja. Viajante nas horas vagas gosta de explorar cada canto & encanto deste mundo.
Fechar Menu